Creepypasta-A Pequena Psicopata

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Creepypasta-A Pequena Psicopata

Mensagem por C.roberto.m em Dom 16 Fev 2014, 13:15

Creepypasta: A Pequena Psicopata

Tudo muito normal na casa de Aline.So pelo fato dela estar cheia dos brinquedos de sua casa. Ela era uma criança rica ao contrario de vários meninos de rua,que se encontrava no centro de Belo Horizonte pedindo esmola.Ela não tinha do que reclamar . Mas ainda sim,todos os brinquedos caros e bonecas bonitas,não bastava para satisfazer aquela criança .

Alem de tudo isso ela adorava torturar suas coleguinhas. Torturava ate elas chorarem. Por isso as outras crianças nem ousavam chegar perto dela. Ficou sozinha se contentando com os criados de sua casa. Isso lhe deixou entediada. Como poderia torturar uma pessoa que era maior que ela?

A Mãe da pequena,era Neuropediatra,e seu pai dono de uma grande empresa alimentícia. Eles não tinham tempo para sua única filha.

-Mamãe,vamos brincar no parque ?-A loira perguntava com seus olhinhos azuis brilhando de esperança que lhe desse alguma atenção.

-Queria agora não posso tenho uma consulta urgente .-Agachou para ficar na altura da filha,colocando sua Mão no ombro da mesma- Prometo que outro dia nos vamos .-Disse se levantando,andou ate a porta a abriu,mas antes olhou para a pequena loira,sorriu e se foi.

-“Prometo”-Repetiu a garotinha com um pouco de ódio nos olhos.Ela abriu a porta e a mesma saiu sozinha- Não preciso deles para brincar no parque.Eu não preciso de ninguém ! –Gritou correndo a te o parque.

O parque se enche de crianças durante o dia,a alegria das crianças contagia a todos.

-Gente nós vamos brincar de…

-Quem disse que vamos brincar com você,Aline ?-Uma garotinha reclamou.

Rejeitada, ela se isola na casa na arvore.Quis morrer.Ela queria que morresse,Se sentia inútil.Ate que uma Garota se aproximou .Ela se encostou na parede olhando para o céu e Falou melancolicamente.

-Podiam pintar o céu de preto. -Olhou para Aline e sorriu- Mademoiselle, vamos brincar!-Aline apenas olhou para a garota estranha.Ela tinha cabelos curtos e negros.Vestia uma casaco preto,com retalhos vermelhos.Seus olhos…um era negro como uma pedra ônix,o outro era vermelho como sangue.Seus braços e pernas estavam machucados .

A Garota saiu correndo gritando.

-Me siga. Me siga!-Tomada pela curiosidade a seguiu. Correu ate chegar a um labirinto. No portão encontravas -se a garota estranha parada.

-Onde estamos?-Alice fitou as grandes estatuas. Uma com um grande sorriso assustador,e a outra escondia o rosto com uma mascara de raposa.As duas estatuas apontavam para a entrada o labirinto.

-Haha,quem chegar primeiro no Vale das Lembranças ganha.-Correu adentrando no lugar.Aline fez o mesmo,Andava sem rumo no labirinto que parecia sem saída.As paredes eram cobertas por roseiras vermelhas . O caminho era estreito,varias vezes Aline se espetava nos espinhos.

Finalmente ela chegou ao tal vale . A Garota já estava lá olhando no fundo do vale.Aline olhou e nessa ora percebeu por que se chamava Vale das Lembranças.Ela olhou o fundo e se lembrou do acontecimento.

“-Posso brincas com você ?-Uma garota perguntou

-Claro fique aqui - Mandou Aline.Ela pegou um canivete e fincou na barriga da garota.-Sita dor sua garota de rua nojenta .- Gritou enquanto a garotinha chorava.Ela sangrou ate morrer,depois Aline correu e foi embora rindo do que tinha feito.Mas o corpo da garotinha desapareceu.”

-Você era aquela garotinha?-A mesma sorriu mostrando um canivete sujo de sangue.Fincou o canivete na loira, que se encostou na parede cheia de espinhos se espetando.

-Somos só duas pequenas psicopatas agora.-A garotinha disse sorrindo Enquanto o corpo de Aline se cobria por espinhos.

Fonte:Cacadores Do Medo
avatar
C.roberto.m

Número de Mensagens : 106
Idade : 19
Localização : Sp
Avisos :
0 / 1000 / 100

Data de inscrição : 08/02/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum